tudo é provisóriamente eterno para os poetas... tudo é eternamente provisório para os amantes e o poema apenas a configuração do instante.

-Capinam-

3 de janeiro de 2010

DIA 29/12/09 – Hospital do Coração
Quarta cirurgia em 2 anos.


Como é estranho ver você assim tão frágil, casada, triste e um dependente... e ao ver-te gostaria de saber de onde você ainda tira força...
Estranho lembrar da nossa história e perceber que as vezes os papéis precisam se inverter – mãe e filha.
Hoje nós vamos dormir nesse hospital, eu e você, e só Deus sabe o quanto eu fiz pra te ver sorrir, pra você não pensar no câncer, na quimioterapia, na hemodiálise, na cirurgia e em tudo o que te deixa com medo. Tudo o que me deixa com medo. E só Deus sabe o medo que eu tenho.
Hoje foi o dia em que eu te dei banho, te vesti, te ajudei a se alimentar. Foi o dia de ser os seus braços... e sei que é difícil de acreditar nessa situação, mas eu os serei sempre que você precisar. E quando não for preciso que eu seja os seus, serei os meus mesmo, em abraços para ti. Porque é só vontade de chorar o que eu sinto quando te vejo mal, doente e triste. Porque eu sei que é uma batalha diária que você trava e porque eu imagino o quanto seja difícil sorrir quando se tem tanta dor pra suportar.
Sabe, mãe, não há um só dia que eu não me lembre daquela conversa só nossa na mesa da cozinha:
- Filha eu lembro que eu Brasília nós duas éramos tão felizes e não sabíamos o quanto...
- Ah, mãe... mas daqui a algum tempo a gente vai olhar pra esse momento e vai vê que também foi feliz...
- Não vou não filha... Porque eu não sou feliz. Por mais que eu tente, sorria, dance, só eu sei o quanto eu não sou feliz [chorando]... e só Deus sabe como eu tento.

“só Deus sabe o quanto essa lembrança me machuca todos os dias...”

Lembrar da nossa história, de luta, conquista, coragem, garra e mudança constante não me deixa triste... me faz lembrar de que já passamos por tanta coisa, já vencemos tantas situações que essa também será superada... eu espero que sim... e eu te amo com todos os teus defeitos, medos e nervos. Eu te amo mais do que poderia demonstrar.
Renise de Castro é uma mulher guerreira que já errou muito na vida e que por isso soube perdoar e entender os meus erros. E que por isso sabe ser uma boa mãe. E que, não sei como, ainda vive... e suspeito eu, que ainda vive apenas por mim.
.
.
[foto tirada por mim no dia.]

14 selos:

Fóssil disse...

Lindo, Camilinha. Espero que tu possas dizer isso tudo a ela também.

E lembras que o pouco que eu possa fazer, farei. Meu abraço tá semrpe aqui =)

Camila Cutrim disse...

Talvez eu NUNCA tenha me emocionado TANTO lendo um texto.

(e é só o que eu consigo dizer...)

fabi disse...

putzs...
as coisas do coraçãos, quem as entendem?
laços eternos..força sempre mila..

Natália disse...

Me fez chorar... é tudo muito sensível, e a força de vocês contagia uma à outra.
Tô nessa e tu sabe, rezo contigo.
Vai ficar tudo bem! =*

Ruth Connors disse...

também fiquei com lágrimas nos olhos...

=(

Anônimo disse...

me fizeste chorar (pela segunda vez, contando os teus casos.)
Não sabia o tamanho do teu problema.O que se escondia por trás daquele sorriso que eu amo tanto.
Força Mila,te gosto tanto..vc não faz ideia do quanto.
*----------------------*

Beijos,e vai ficar tudo bem..porqe eu vou orar para que fique.


P.S: Não faz nem ideia de quem seje.

camila chaves disse...

camila,

me emocionei tanto em ler esse texto. eu sei, talvez não tanto quanto tu, mas também bastante, o quão forte são as pessoas e as pessoas que amam as pessoas que estão em situações delicadas como essa por que passa a tua querida mãe. também acompanhei o sofrimento de vovó lourdes e me surpreendia a cada novo sorriso, a cada tanto de força que a cada novo dia ela trazia. era isso o que nos alimentava. eu não fazia idéia da dimensão desse momento por que tu e tua família passam, mas queria dizer-te que te admiro por ser tão boa filha (coisa que de vista eu já desconfiava que fosse, e que agora confirmo) e por ainda guardar e distribuir sorrisos e brilho nos olhos de quem ama e que, mesmo com problemas, busca a felicidade.

desejo-te força nesta grande luta.
um abraço...

jorgeano disse...

Minha querida ameiga e companheira, não posso dizer que é a mesma dor, mas sei o que senti e pode ser parecido, e nessa nossas historias, podemos ter a certeza que existe alguem superior nós, e que sabe o que faz, tenha fé, as noites no hospital, são incapazes de apagar lembranças de alegria e companherismo.
Estou aqui, naquilo que posso te dar, te darei.
Te amo, força e Fé, pra aceitar a Alegria ou a Dor.

Axé
Uma só voz, um só coração.

Paz e Bem.

Mayana Augusta disse...

Miga...eu me sinto péssima por não estar do teu lado e de tua mãe em momentos como esse!
Sabe eu sou do tipo emotiva e choro com facilidade.....Mas lendo o que vc escreveu, simplismente me fez enchergar o quanto, apesar de meus pbmas, eu sou rica, pq tenho as pessoas que amo do meu lado, num importa quem seja, mãe, pai, irmão, amigos, namorado, todos são importantes de modos diferentes....

Mas voltando,,, O que me fez chorar lendo sua carta, foi perceber que não estou sendo tua amiga, que não mereço se quer te chamar de amiga, que meu ser cristão, não existe e que o que eume denominava Pejoteira...cadê????

Não é q eu esteja desistindo!... Mas é simplismente, enchegar uma realidade e tentar melhorar nela!

Por isso, peço perdão primeiramente pra Deus por ainda ter uma amiga, que mesmo estando num momento difícil de sua vida, ainda me considerar sua amiga e Depois pedir perdão a vc, por não estar sendo o q eu devia ser!

Mas....!!!!....[quase chorando aqui]....não dúvide um só instante, que todos os dias qdo vou durmir, em minhas orações, o qto peço à Deus que ao invés de me ajudar, ajude a vcs...pq são quem precisam... os meus podem probleminhas podem esperar!

Mas eu não quero ficar triste...quero me preparar para qdo sua mãe melhorar, eu ser uma das primeiras a te abraçar e sorrir!...não importa a situação!

Enfim....Te Amo...e ela por ser sua mãe...é como se fosse minha mãe mesmo...talvz eu nunca faça mensão da dor q tu tah sentindo...nem chegue perto!...Mas...se vc chorar, eu chorarei, se vc sorrir...eu sorrirei!

Anna disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anna disse...

Lembro de um dia no qual vc chorando disse a mim a Lara e ao Géo que apesar de todas as adversidades vividas aqui vc nunca tinha sido tão feliz.Isso faz uns quatro anos.
Acredito com toda força do meu coração que eu vou te ouvir dizer isso novamente em um curto espaço de tempo, pq vai ser aqui que vcs vão superar todos esses problemas. Amo vcs p/ sempre.

Isabela disse...

Ah Camilinha, Deus sabe quanto foi doloroso pra mim receber aquela primeira noticia da possibilidade da doença e o quanto foi mais dificil aquele dia no onibus te escutar falando que SIM, que ja tinha se confirmado: era cancer. Vi que ali era o começo de uma luta (ou a continuação) e q mais q nunca sentia q era preciso está com vc como sempre estive, mesmo q para conversar, te animar, te deixar talvez um pouquinho melhor... e como ficamos caladas durante todo o caminho! Tua força sempre me surpreendeu muito, assim como a de tia renise.Que poucas vzs deixaram transparecer tda a dor que há no peito! Não sei se fui ou estou sendo uma amiga como vc merece que eu seja nesse momento, vc sempre confiou em mim,e n sabe o quanto tenho isso comigo... cada noticia de uma noite mal dormida, cada vez q ela passava mal ou que se zangava, ou cada vez q melhorava, se animava e que ficava um pouco mais feliz... Eu SENTIA...tristeza, surpresa, compaixão, amizade e alegria quando vc tava alegre, ou quando faz de tudo pra ve-la alegre..e da resultado!! HOJE me senti tão feliz quando tua mãe me abraçou e disse: MINHA CIRURGIA FOI MARCADA. Poxa, eu pensei: Deus ta com a gente e tudo vai da certo...vi esperança nos olhos dela aquele momento! E me sinto tão bem esses dias quando te vejo bem e quando vc me disse: nunk vi minha mãe tão feliz como agora.
Sei q não acompanhei nem um terço do sofrimento, mas saiba amiga...q tu sempre vais poder contar comigo, mesmo q para te da aquele abraço apertado como é sempre que nos vemos! Ali está todo o meu afeto, amor, carinho...e como vc msma diz: " não é amor a toa, não é so colegagem, não é pra fik bonito em orkut...é amor cultivado, bonito e verdadeiro! e que como vc me disse: espero q eu te faça bem e q te sustente nas horas em q estais prestes a desabar"

"...teremos coisas bonitas pra contar e até la vamos viver, temos muito ainda por fazer. Não olhe pra trás...apenas começamos..."
bj bebel

Laiandre disse...

ah camila eu não sei nem o q dizer... eu sou pessima com palavras nessas horas.... mas sinta-se abraçada e acalentada por mim, assim podemos unir forças para superar momentos de tristeza!

beijos de sua "jovem" amiga!

Keka disse...

Não dá pra acreditar que as coisas ficaram assim. Simplesmente não dá pra acreditar, que a tia Ré super alto astral está assim tão frágil. Eu desejo muita, mas MUITA FORÇA pra vocês! Muuuuita! E que tudo fique beeeem logo!!!

Postar um comentário